2017 2018

Janeiro

Fevereiro

Março

Abril

Maio

Junho

Julho

Agosto

Setembro

Outubro

Novembro

Dezembro

10 concertos que não pode perder este ano

Janeiro 10, 2018

Os melhores concertos para ver este ano

Se há alguma coisa garantida em relação a 2018 é que este será um ano grandioso para amantes de música em Portugal. A lista de concertos já confirmados para este ano é extensa e promete momentos inesquecíveis.

Se uma das suas resoluções para o novo ano é continuar a ouvir boa música, está na hora de começar a fazer escolhas. Se possível, antes que a palavra “esgotado” volte a passar-lhe a perna.

Há concertos de norte a sul do país, nomes sonantes a chamá-lo para os festivais de música, e uma lista feita por nós para lhe facilitar a vida. Cabe-lhe a árdua tarefa de eleger os concertos que não pode mesmo perder. Isto se, entretanto, não decidir que o melhor é mesmo ir a todos.

Veja aqui a lista dos 10 concertos que não pode mesmo perder em 2018:

Sarah McCoy (Teatro Ibérico, Lisboa – 8 de março; Auditório do C.C. Chaves – 9 de março; Teatro Cinema, Fafe – 10 de março; Laboratório Artes Teatro Vista Alegra, Ílhavo – 11 de março)
A pianista norte-americana de 32 anos estreia-se em Portugal no próximo mês de março para dar a conhecer a sua voz poderosa e carregada de soul. O preço dos bilhetes ronda os 10€.

Bob Dylan (Altice Arena, Lisboa – 22 de março)
O músico que recebeu o Prémio Nobel da Literatura em 2017 regressa a Portugal pela sétima vez, depois da última atuação no Optimus Alive em 2008. O preço dos bilhetes varia entre os 39 e os 240€.

Benjamim Clementine (Centro Cultural, Viana do Castelo – 26 de março; Centro de Artes e Espetáculos, Figueira da Foz – 27 de março; Campo Pequeno, Lisboa – 28 de março)
Vencedor do Mercury Prize em 2015, o músico britânico regressa ao nosso país em março, depois de ter lançado o segundo álbum de originais – “I Tell a Fly” – em outubro do ano passado. O preço dos bilhetes varia entre os 20 e os 40€.

Angel Olsen (Centro Cultural Vila Flôr, Guimarães – 13 de maio; Teatro da Trindade, Lisboa – 14 de maio)
A cantora e compositora norte-americana acaba de editar Phases, álbum que compila canções ‘avulso’ gravadas nos últimos anos, e regressa a Portugal depois de ter atuado no NOS Primavera Sound em 2017. Preço dos bilhetes: 25€.

Steve Aoki (EDP Beach Party, Praia do Aterro Norte, Matosinhos – 29 e 30 de junho)
O DJ e produtor norte-americano é a primeira confirmação da EDP Beach Party, o festival de música eletrónica da praia do Aterro. O preço dos bilhetes varia entre os 17 (diário) e os 27€ (passe) até 28 de fevereiro.

Lenny Kravitz (Altice Arena, Lisboa – 1 de julho)
O músico norte-americano volta a subir aos palcos nacionais com a digressão Raise Vibration Tour 2018. O preço dos bilhetes varia entre os 35 e os 59€.

David Byrne (EDP Cool Jazz, Parque dos Poetas, Oeiras – 11 de julho)
Conhecido pela sua ligação aos Talking Heads, mas também pela sua carreira a solo, o conceituado músico escocês-americano regressa a Portugal quase uma década depois de ter atuado no Coliseu dos Recreios. O preço dos bilhetes varia entre os 25 e os 70€.

Hurray for the Rief Raff (Theatro Circo de Braga – 17 de julho)
A banda de Alynda Segarra formada em 2017 sobe pela primeira vez a um palco português para mostrar porque é que o álbum de estreia – “Navigator” – surgiu em várias listas de melhores discos do ano passado. Preço dos bilhetes: 12€.

Hardwell (Zambujeira do Mar – 09 de agosto)
Considerado mais do que uma vez o melhor DJ do mundo pela revista DJ Mag, Hardwell regressa a Portugal em 2018 para atuar no palco MEO do MEO Sudoeste. O preço dos bilhetes varia entre os 50 (diário) e os 105€ (passe) até 31 de março.

Björk (Vodafone Paredes de Coura – 18 de agosto)
Editou recentemente o álbum “Utopia” e é a primeira confirmação do festival minhoto. Preço do passe geral: 85€.