2017

Infraspeak: a startup que facilita o trabalho de todos os gestores de manutenção

Novembro 8, 2017

PRIO-infraspeak1

A Infraspeak é uma startup portuguesa do Porto que tem como objetivo acabar com as dores de cabeça dos gestores de manutenção das grandes empresas. Em 2016 teve o seu boom de crescimento — aumentou em 282% o número de clientes e 243% em faturação —, e é uma das startups escolhidas pela PRIO no âmbito do programa intensivo JumpStart que procurou 5 startups com propostas inovadoras para revolucionar o setor industrial, com modelos inovadores de negócio e propostas de distribuição, produção industrial, entre outras.

A óbvia satisfação dos clientes da Infraspeak tem tudo a ver com a aplicação que liga os clientes a técnicos, gestores de conta e executivos, que podem mais facilmente acompanhar toda as operações de manutenção da empresa em tempo real e focarem a sua atenção nos seus negócios, sem preocupações sobre lâmpadas ou outros equipamentos avariados.

Se não tem um negócio e não tem noção do quão difícil é fazer a gestão da manutenção, nós passamos a explicar: num hotel com 300 quartos todos os dias as equipas de limpeza e de manutenção têm inúmeras tarefas para executar, entre as quais, arrumar quartos, trocar lâmpadas e arranjar ar condicionados. No meio de tudo isto, é quase impossível um único gestor de manutenção conseguir orientar toda a operação sem desorganização. Por isso é que a Infraspeak facilita a vida a muitas empresas e negócios.

A Infraspeak utiliza as melhores tecnologias de ponta, como NFC, API e sensores para descomplicar a tarefa do staff de reportar avarias e a sua resolução por parte dos técnicos de manutenção, bem como a gestão de operações preventivas e de auditorias. Tudo com o simples uso de um smartphone que evita supervisão pessoal, confusões, e ainda poupa tempo ao gerar um relatório automático sobre a situação.

Atualmente esta startup tem 82 clientes em Portugal, Reino Unido, Angola e Brasil, como as cadeias de hotéis Vila Galé, Intercontinental, PortoBay e Holiday Inn Express; as redes de lojas da Agência Abreu, Domino’s Pizza e da Unilabs, ou empresas de assistência técnica como a Siemens, a Openline, a Opertec, a Fernando Martins e a Frostline. No total já ajudou a gerir mais de 2 milhões de tarefas, 180 mil avarias em mais de 120 mil equipamentos de 3.500 edifícios. O passo seguinte é também a expansão do produto para a área da inteligência artificial e Big Data.